Entenda qual é a função dos brinquedos educativos

Podem parecer apenas uma distração momentânea, mas os brinquedos são essenciais para a evolução das crianças. Quando utilizados de maneira correta eles desenvolvem as atividades cerebrais e ainda intensificam o momento de lazer do pequeno.

A aceleração das percepções motoras, cognitivas e da criatividade é iniciada com a brincadeira, tal interação é usada desde os primeiros meses de vida de um bebê.

Primeiro é preciso saber que existem os brinquedos confeccionados com o propósito de educar, mas que todos possuem um potencial para ajudar no crescimento, mesmo os mais simples carrinhos e bonecas.

A intenção dos fabricantes das atividades educacionais é promover o aprendizado sem que a criança perceba, sempre com diversão. É preciso que cada fase receba um incentivo, por isso os brinquedos são qualificados pela idade. Também podem ser especialmente indicados quando ocorre a ausência de algum estímulo. Veja as necessidades de cada faixa etária:

0 a 2 anos – Trabalhar a repetição, como bolas e encaixe;

2 a 6 anos – Estimulação do “faz de conta” para o aumento da criatividade, são usados itens que representam as atividades cotidianas, como kit médico e bonecos;

A partir de 6 anos – Sintetização das regras, feito com jogos que possuem limites e regras fixos. Os melhores são os de tabuleiro, mas até os virtuais ajudam.

Costumeiramente os brinquedos educativos possuem um design mais antigo, em madeira ou materiais que eram usados anos atrás, isso tem um motivo importante, que é a reunião familiar. Quando um adulto visualiza algo que remete à sua infância, ele automaticamente começa a interagir com a criança. O ambiente familiar e a interação são essenciais durante a infância.

Antes de comprar um brinquedo educativo para o seu filho, é preciso saber as necessidades de sua idade e procurar por um item fabricado dentro das instruções do INMETRO. Somente assim você garante a qualidade, segurança e aprendizado dele.